O iOS já tem excelentes opções de clientes de email que não sejam o Mail, o padrão do sistema, e o Mailbox que vai ser lançado em breve é mais um app a se juntar a esse grupo.

Depois do Gmail atualizado e do Sparrow – ambos do Google – o Mailbox é mais um app de email que aparece e deixa o nativo do iOS para trás. Ele surge com uma ideia simples: transformar seu email em uma lista de tarefas. E parece que conseguiu fazer muito bem.

Em vez de botões para arquivar e deletar mensagens, o Mailbox usa swipe para ativar as funções. Deslize a mensagem um pouco para a direita para arquivá-la, ou bastante para apagá-la. E deslize para esquerda para agendá-la para mais tarde – você pode marcar para ler à noite, ou depois do almoço. Deslize mais um pouco e você vai poder mover para alguma pasta ou label no seu email.

A parte de agendar é uma das mais interessantes. Você pode escolher para ser lembrado de um email no mesmo dia, no dia seguinte, no final de semana, na semana seguinte, dentro de um mês ou em um dia que você escolhe. Isso significa que aquelas conversas sobre uma festa podem reaparecer quando a festa estiver chegando, assim como você pode enviar para si mesmo um simples lembrete de algo que precisa comprar antes de chegar em casa à noite e marcar para o app lembrar na hora certa. Eu costumo usar meu email para me lembrar das coisas e achei essa ideia excelente.

A troca de emails parece um bate-papo e as mensagens aparecem com balões de conversa (assinaturas, por exemplo, ficam escondidas e aparecem quando você toca a mensagem). Escrever um email é bastante simples e lembra mais uma troca de SMS do que de emails.

Ellis Hamburguer, do The Verge, testou o app e disse que é, atualmente, o seu cliente de email preferido para iOS. Mas ele tem alguns pequenos defeitos.

“Combinando uma nova abordagem na produtividade de mensagens com envio e recebimento rápidos, o Mailbox é um vencedor. O app tem seus defeitos, como a falta de uma seção de marcados com estrela, avatares com foto, um jeito de ver apenas mensagens não lidas, um browser integrado e suporte para contas além do Gmail – mas considerando que é um app 1.0, acho muito difícil de reclamar.”

O Mailbox ainda não está disponível. Ele chega “no ano novo” por um preço que ainda não foi divulgado. [Mailbox via The Verge]