Pessoas que perderam a mão podem, um dia, recuperar até a sensação do membro graças à DARPA e aos pesquisadores da Case Western University (EUA): eles criaram o que, para nós, era possível apenas na ficção científica.

O sistema FINE (eletrodo plano de nervos de interface) mostrou que uma prótese robótica pode fornecer sensação suficiente em cada dedo para devolver o tato a seu usuário – assim como Luke Skywalker.

E como funciona? Basicamente, ele se entrelaça com os nervos restantes que ficaram intactos no membro, e assim fornece feedback sensorial direto. Então, ao invés de depender da visão para manejar a prótese robótica, o FINE permite sentir e tocar o que você quiser.

Isto faz parte do programa RE-NET da DARPA, agência do governo americano que desenvolve tecnologias militares. Ele estuda a viabilidade e durabilidade de periféricos que se conectam ao sistema nervoso.

Em outro estudo, pesquisadores do Instituto de Reabilitação de Chicago criaram e demonstraram um tipo diferente de interface, que é orientada pela visão. Conhecido como TMR (reinervação muscular dirigida), os nervos de membros amputados são religados para funcionar com os músculos já existentes, como no vídeo abaixo.

Se isso soa familiar para você, é porque há um motivo: isto é basicamente o que aconteceu quando Luke perdeu a mão no final do Episódio V, e foi equipado com uma mão biônica. Incrível! A DARPA diz que continuará a avaliar as pesquisas do programa RE-NET até 2016. Esperamos que eles encontrem uma solução a longo prazo antes disso. [Darpa]