Você já deve ter visto helicópteros teleguiados, que devem ser o "futuro das táticas de guerra". Um problema de software fez a Marinha americana perder controle de um deles por meia hora no começo deste mês, deixando-o voar à toa pela capital Washington.

O veículo não-tripulado (VAT) com 950cm de comprimento e um nome bem charmoso, o MQ-8B Fire Scout Vertical Takeoff and Landing, estava voando numa altitude de 2.000 pés em 2 de agosto, quando a Marinha perdeu completamente o controle do helicóptero devido a um "problema de software", segundo eles. Ele continuou voando, guiado apenas pelo seu cérebro robótico provavelmente maligno, por cerca de meia hora, voando por 37km em espaço aéreo restrito. A Marinha restabeleceu controle quando o VAT estava a apenas 64km da capital americana.

Felizmente, o incidente fez a Marinha pousar todos os seis VATs Fire Scout enquanto eles descobriam o que havia acontecido. O New York Times diz que "a Marinha não descreveu a cena dentro da estação-base de controle enquanto os operadores tentavam restabelecer comunicação com o VAT", mas aposto que eles estavam falando "ô merda ô merda ô merda". [NYT]