Call of Duty: Strike Team chegou para o iOS com uma proposta híbrida: meio FPS, meio estratégia. Ele e Arma Tactics, outro jogo de guerra bastante popular, são os destaques da semana para a plataforma da Apple.

Call of Duty: Strike Team (US$ 6,99): A franquia bilionária da Activions ganha este capítulo exclusivo para iOS misturando o tradicional modo em primeira pessoa com uma visão aérea que pede uma pitada de estratégia do jogador. Além do modo campanha, está disponível também o Survival, em que seu objetivo é resistir a hordas de inimigos. Para iPhone e iPad.


Arma Tactics (US$ 4,99): Arma tem uma pegada mais realista do que Call of Duty. Nesta versão para iOS, o jogo mudou: em vez de um FPS, no smartphone e tablet da Apple ele é um jogo de estratégia de combate próximo baseado em turnos. Isso significa que, no controle de uma equipe especial de quatro soldados, cabe a você decidir a abordagem (direta ou na surdina), os caminhos e decisões que seus comandados seguirão no decorrer do modo história e das missões geradas aleatoriamente. Para iPhone e iPad.


Zombie Highway: Driver’s Ed (US$ 0,99): Não é a combinação mais original do mundo, mas uma que pode resultar em algo legal. Em Zombie Highway, você pega uma caranga, anda por estradas desoladas pós-apocalipse zumbi enquanto mata os comedores de cérebro que querem o seu no cardápio da próxima refeição. Não com armas, mas tirando finas de barreiras e outros obstáculos. Dá para tunar seu carro e competir com seus amigos pela maior pontuação. Para iPhone e iPad.


Star Wars Force Collection

Star Wars Force Collection (grátis): Jogos de cartas são meio que como apps de fotos: parece que toda semana tem pelo menos um. Este, desenvolvido pela Konami, tem uma temática bacana, o universo de Star Wars. De resto, é aquela coisa de sempre envolvendo coleções de cartas, criação de decks, batalhas e tudo mais, só que com o Yoda e o Darth Vader estampados nas cartinhas. Para iPhone e iPad.


Sketch Mirror

Sketch Mirror (US$ 4,99): Para os desenvolvedores, o Sketch Mirror permite ver, na tela de dispositivos iOS, como apps desenhados no Sketch (para OS X) ficam. A conexão é via Wi-Fi, o app é esperto o bastante para escalar a resolução dos designs automaticamente e funciona com quaquer quantidade de dispositivos. Para iPhone e iPad.


DeskConnect

DeskConnect (grátis): O elo perdido entre seu iPhone e o Mac, o DeskConnect permite enviar conteúdo do computador para o smartphone e vice-versa com um simples clique/toque. O leque de possibilidades é grande, vai de textos, links e imagens, até direções de mapas e ligações. Apenas para iPhone.


S4 Rhythm Composer Pro (US$ 4,99): O que não falta para iPad são apps para compor e mixar músicas, e o S4 Rhythm é mais um deles. Bem com 14 kits pré-programados de bateria e permite que o próprio usuário crie os seus, para poupar tempo. Ainda dá para acrescentar efeitos em tempo real, exportar áudio e fazer outras maluquices com áudio. Apenas para iPad.