Cacetada. Só o primeiro acidente já é violento o bastante, mas os criadores desse anúncio, não contentes com as usuais táticas alarmistas, adicionaram vidros e ossos quebrando para um maior impacto. Aí aparece o segundo carro.

O vídeo foi feito com atores locais pela polícia de Gwent (País de Gales), para ser exibido em escolas da área como parte de um filme de 30 minutos sobre os perigos de enviar mensagens enquanto dirige. É eficiente, violento e sangrento. Esse é o ponto, provavelmente. [BBC News – Valeu, Matthew]