A Microsoft acabou de anunciar um trimestre e ano fiscal monstruoso, com receita recorde graças principalmente a todo mundo que devorou o Windows 7 – eles já venderam 175 milhões de licenças do Windows 7.

Foram US$16 bilhões de receita e US$4,5 bilhões de lucro líquido só neste último trimestre. Para comparação, a Apple teve US$15,7 bilhões de receita no último trimestre, mas "só" US$3,25 bilhões de lucro líquido.

A conferência por telefone para discutir exatamente o que houve para a Microsoft ganhar tanta grana começa às 19h (horário de Brasília), então vamos atualizar o post com mais dados. [Microsoft]

Da conference call:

– O mercado americano de PCs melhorou, mas a maior parte do crescimento vem de mercados emergentes.

– As vendas do Windows cresceram 7% a mais que as vendas de PCs, o que faz sentido dado que muitas pessoas pularam o upgrade para o Vista (e com razão) – foram direto do XP para o 7.

– 1,5 milhão de unidades do Xbox 360 foram vendidas no trimestre, com mais de 25 milhões de membros do Xbox Live no total.

– A Microsoft acredita que "tablets são muito interessantes, e nos lembram que sempre há novos casos e novas oportunidades". Sem surpresas, este claramente é um espaço onde a Microsoft quer mesmo (e deve) participar.

– E é isso, além de uma conversa sobre a receita e lucro nos próximos meses. Foi um call curto, e nem derramaram uma lágrima pelo falecido Kin.

Ilustração por Sam Spratt. Veja o portfólio do Sam e torne-se um fã em sua Página de Artista do Facebook.