A Adafruit ofereceu um prêmio de US$2.000 pra quem conseguisse fazer um driver de código aberto para o Kinect no final da semana passada, e aparentemente já conseguiram, segundo Phillip Torrone da Adafruit via e-mail. Isso era inevitável.

A Microsoft, no entanto, ofereceu o papo de sempre semana passada, em um e-mail para a CNET:

"A Microsoft não tolera a modificação de seus produtos", disse um porta-voz da empresa à CNET. "No Kinect, a Microsoft embutiu diversas travas de hardware e software criadas para reduzir as chances de adulteração do produto. A Microsoft vai continuar a fazer avanços nesses tipos de travas, e trabalhar com grupos de observância à lei e segurança de produtos para manter o Kinect livre de adulterações."

Pois é. Se o vídeo a seguir for real, parece que todas essas travas e funções de segurança foram burladas direitinho:

Se o vídeo é real ou não, ainda não temos certeza. Se for, o comentário "Dan" do site Adafruit nota que o motor provavelmente é a parte mais fácil de se controlar do Kinect.

Por enquanto, nos disseram para ficar de olho nos fóruns do NUI Group. [NUI Group Forums via Adafruit]