Todo mundo parece estar trabalhando em um relógio de pulso inteligente. A Forbes agora diz que a Microsoft está fazendo um smartwatch que interage bem com os sistemas operacionais móveis da concorrência.

Eles citam “várias fontes com conhecimento dos planos da empresa” afirmando que a Microsoft trabalha em um smartwatch repleto de sensores e que sincroniza com iOS, Android e Windows Phone. O dispositivo iria “medir continuamente a frequência cardíaca durante o dia e a noite”, e possui uma bateria que “dura até dois dias”.

A Forbes também explica que “o relógio será semelhante ao Samsung Gear Fit”, porque sua touchscreen colorida também terá aquele formato alongado. De acordo com as fontes, a ideia é facilitar o uso na hora de ver notificações.

Aparentemente, uma equipe de “engenheiros da divisão Kinect da Microsoft, designers e cientistas de dados” vêm trabalhando no software para o novo dispositivo, que vai “correlacionar dados dos sensores do dispositivo”, mas ainda falta saber o que esse smartwatch vai fazer.

Este é um rumor que circula há algum tempo. Há um ano, o Wall Street Journal dizia que a Microsoft estava negociando com fornecedores para desenvolver um novo relógio de pulso sensível ao toque. Em julho, o The Verge disse que a gigante de Redmond testava um modelo com oxinitreto de alumínio, material translúcido (e caro) que pode ser três vezes mais resistente que o vidro.

E se for lançado, este não seria o primeiro relógio de pulso da Microsoft: há quase dez anos, o SPOT trazia notícias, resultados de esportes e mensagens instantâneas ao seu pulso, tudo transmitido através de ondas de rádio FM – mas era preciso pagar uma assinatura anual.

Claro, é incrivelmente provável que a Microsoft esteja realmente preparando um smartwatch, mas será que ele chegará ao mercado? Aí já é outra história. Basta se lembrar do Courier… [Forbes]