O aplicativo, chamado Mirror App, não faz nada demais: transforma a câmera frontal do iPhone 4 em um espelho com alguns efeitos de luz e contraste, ideal para aqueles mais egocêntricos. As imagens com a modelo eram usadas apenas na descrição do aplicativo, possivelmente para chamar um pouco de atenção.

O e-mail avisando sobre a rejeição do aplicativo, enviada para seu desenvolvedor, confirma que a Apple achou que a ferramenta continha “conteúdo que é desagradável para certos grupos etários”, mesmo com a belíssima Lyudmila não exibindo nada além de seus ombros, além de colocar algo na boca que é claramente um dedo.

Assim que a foto da modelo do America’s Next Top Model foi removida de sua demo, o Mirror App voltou para a App Store. [Appmondo via Techradar]