Se tem uma coisa pior do que ficar preso em uma montanha russa, é ficar preso no ponto mais alto dela. Pior ainda se um dos pontos mais altos do brinquedo te deixar de cabeça pra baixo, preso pelo cinto de segurança e olhando para nada menos do que 30 metros de espaço livre até o chão.

• Como uma montanha-russa pode ajudar pessoas com cálculo renal
• Parque de diversões quebrará 10 recordes mundiais com esta montanha-russa

Esse pesadelo aconteceu com 32 pessoas nesta terça-feira (1º), no parque temático da Universal Studios em Osaka. Uma falha no mecanismo de segurança fez com que dois dos carros da montanha russa com a temática do Jurassic Park parasse repentinamente. Um dos carros já estava próximo da estação de embarque e desembarque, mas o outro estava no primeiro pico – a parte mais alta do brinquedo.

Eu só não tenho medo de altura quando sinto meus pés seguros. Arranha-céus não me incomodam, e voar é bem tranquilo. Mas sentir que estou pendurado e balançando a 30 metros do chão? Isso é combustível para muito pesadelo. A localização da falha tornou a tarefa bem desafiadora para a equipe de resgate, que precisou erguer uma plataforma de segurança para retirar os participantes de seus cintos com segurança e depois ajudá-los a descer por toda a estrutura de suporte da torre.

Foram duas horas para que todos fossem resgatados. A montanha russa foi consertada e os testes de operação rodaram pouco depois que o incidente aconteceu. No entanto, duvido que qualquer pessoa que tenha se informado sobre o caso vai se arriscar a ir nesse brinquedo tão cedo.

[YouTube via SoraNews24]