A Mozilla quer atrair desenvolvedores para o Firefox OS, e para mostrar como o seu sistema operacional tem potencial, ela vai dar um smartphone de graça para quem adaptar um app de iOS ou Android para o Firefox OS.

Caso você tenha algum app publicado na App Store ou na Google Play Store, basta adaptá-lo para rodar em HMTL 5 no Firefox OS, se cadastrar neste site e enviar o seu app para a Mozilla. Os evangelistas da fundação vão avaliar o seu app, colocá-lo à disposição para usuários do Firefox OS baixarem, e enviarão um smartphone para os desenvolvedores. Há um limite de um smartphone para cada app – portanto, não é para pedir um para cada pessoa da equipe de desenvolvimento.

Esta é a segunda fase do programa de apps para Firefox OS da Mozilla. Em maio, na primeira fase, a fundação distribuiu smartphones para quem criasse apps novos para o sistema. O objetivo agora, no entanto, é levar o que já existe em outras plataformas para o Firefox OS.

Os smartphones com Firefox OS começaram a ser vendidos na Colômbia e Venezuela no começo de agosto. São modelos básicos, como o ZTE Open, que custa o equivalente a R$ 240. O foco inicial do Firefox OS será aparelhos de baixo custo – o objetivo da Mozilla é levar o sistema operacional para quem não tem condições de comprar um smartphone. Assim que ele se consolidar, modelos mais robustos serão produzidos.

O Brasil estava na lista dos primeiros países a receberem o Firefox OS, mas ele vai atrasar um pouco e só deve chegar no último trimestre deste ano. Já brincamos um pouco com o ZTE Open e, pelo que foi mostrado, é bom que ele seja bem barato mesmo. Já o Firefox OS sim é bem rápido mesmo em aparelhos básicos, mas em janeiro ainda precisava evoluir para conseguir bater de frente com o Android rodando em aparelhos low-end. [VentureBeat]