Depois de passar pela Groenlândia, por Veneza e até usar um camelo para registrar um deserto, o Google Street View agora mostra imagens do arquipélago de Fernando de Noronha, em Pernambuco. Você já pode fazer a visita pela página dedicada do Street View.

Atol das Rocas

Nomeadas patrimônio mundial pela UNESCO, as 20 ilhas de Fernando de Noronha e Atol das Rocas foram registradas com auxílio do Google Trekker, a mochila equipada com 15 câmeras, para produzir a visita em 360˚ pelo arquipélago. O equipamento, inclusive, não registrou apenas as praias e cachoeiras do local, mas também o fundo do mar: é possível ver diversas espécies de animais marítimos.

Golfinhos nadando pelo Canal da Sela Gineta

Buraco das Cabras

Uma parceria entre o Google, Universidade de Queensland e a seguradora Catlin Seaview Survey, em 2012, permitiu ao gigante de buscas criar passeios virtuais do fundo do oceano. Google Sea View, como foi nomeado, permitia aos usuários visitar a Grande Baía Australiana sem prejudicar o ecossistema local. Agora é possível visitar Fernando de Noronha da mesma maneira — o que é ótimo para quem não é lá muito fã de praias. [Google]