A ideia de fazer uma animação sobre personagens de um jogo que foi inspirado em desenhos da década de 1930 soa meio redundante. Mas isso definitivamente não parece ser um problema quando o assunto é “The Cuphead Show”, produção prestes a estrear na Netflix.

“The Cuphead Show” se manterá fiel à estética clássica das animações americana do início dos anos 1930. O estilo é marcado por personagens que fazem movimentos constantes em cena, e têm membros molengas como um macarrão de piscina. Os designs dos personagens, como no jogo, poderiam ter saído direto de um dos primeiros desenhos de Max Fleischer ou Walt Disney. Veja o trailer abaixo.

Apesar de fiél à estética, não parece que o show vai se aproximar muito da história do jogo original. No jogo, Cuphead (Xicrinho, em português) e seu irmão Mugman (Caneco) perdem suas almas para o diabo em seu cassino, e são coagidos a confrontar outros devedores na esperança de não serem arrastados para o inferno — as tais lutas contra os chefões do jogo, aliás, são incrivelmente difíceis.

Em vez disso, “The Cuphead Show” deve se desenrolar como uma dúzia de episódios independentes de 12 minutos — o que está muito mais alinhado com a inspiração original do jogo. Isso também explica por que a sinopse oficial da Netflix é tão genérica.

Baseado no premiado game que chamou a atenção pela animação em estilo retrô, “The Cuphead Show – A Série” é uma comédia que acompanha as desventuras do impulsivo Xicrinho e seu cauteloso irmão Caneco (nomes em português de Cuphead e Mugman, respectivamente). Os dois percorrem as Ilhas Tinteiro em busca de diversão e aventura, sempre se ajudando. Menos quando resta só um biscoito, aí é cada um por si. “The Cuphead Show – A Série” mistura nostalgia, ótimas piadas e uma boa dose de tensão, especialmente quando um rival (ninguém menos que o diabo em pessoa) entra em cena para atrapalhar nossos heróis”. 

Com as vozes de Tru Valentino (Cuphead), Frank Todaro (Mugman), Joe Hanna (Elder Kettle), Luke Millington-Drake (Devil), Gray Griffin (Ms. Chalice) e Wayne Brady (King Dice), The Cuphead Show estreia na Netflix em 18 de fevereiro.

A produção executiva é de C.J. Kettler, pela King Features, e dos criadores do game Cuphead, Chad e Jared Moldenhauer, pelo Studio MDHR. A animação é produzida pela Netflix Animation, com produção executiva de Dave Wasson (Mickey Mouse), ganhador do Emmy e do Annie, e coprodução executiva de Cosmo Segurson (A Vida Moderna de Rocko: Volta ao Lar).

Até o presente momento, o trailer em português de “The Cuphead Show” não foi disponibilizado no YouTube, mas já pode ser assistido na página da série na Netflix. Além disso, a empresa também divulgou um site interativo que dá cartas em PDF para quem realizar algumas atividades, como fazer um tweet sobre o programa e de seguir a conta deles no Instagram.