Há algum tempo, a Netflix vem experimentando com programas à la “Você Decide”. O recurso já foi testado em conteúdos infantis, e uma reportagem da Bloomberg do ano passado falava que a empresa estaria trabalhando no mesmo em séries para adultos. Agora, a mesma Bloomberg afirma que a próxima temporada de Black Mirror deverá ter um episódio em que você, espectador, decide o enredo.

• Netflix e outros serviços de streaming podem ser legalmente obrigados a produzir conteúdo na Europa
• Streaming da Apple é tão sem graça que os funcionários estão chamando de “TV aberta cara”

Segundo a Bloomberg, a Netflix estaria desenvolvendo uma série de especiais que permitiriam que os usuários escolham o enredo de um filme ou um episódio de série, e o primeiro desses projetos deverá sair ainda em 2018. É bem possível que seja justamente um episódio da série de ficção científica Black Mirror, que teve sua terceira e quarta temporada lançadas no último trimestre de 2016 e 2017, respectivamente. A Bloomberg afirma que a quinta temporada estaria programada para chegar em dezembro deste ano.

Os testes da Netflix envolvendo os espectadores escolhendo as histórias aconteceram anteriormente com os títulos infantis Puss in Book: Trapped in an Epic Tale, curta-metragem spinoff de Shrek, e um episódio da série em stop motion Buddy Thunderstruck.

A Bloomberg conta que a indústria de produções interativas está empolgada com o investimento crescente da Netflix no setor, esperando que isso seja um sinal de que os holofotes estão chegando para eles. Além da Netflix, a HBO lançou seu primeiro programa interativo neste ano: uma versão estendida da série Mosaic.

A disponibilidade cada vez maior de internet de alta velocidade, combinada também com o crescimento das telas sensíveis ao toque e de jogos interativos, convergiu para este momento, que Jim Spare, diretor de operações da Eko, produtora de programas interativos, vê como “a hora certa para a TV interativa se tornar uma experiência mainstream”, como definiu em entrevista à Bloomberg.

[Bloomberg via The Verge]

Imagem do topo: Divulgação/Netflix