A Nikon acabou de tornar interessante o mercado de DSLRs mais em conta, de novo: a primeira DSLR deles com vídeo 1080p, a D3100, é a primeira com autofoco de verdade e constante durante a gravação de vídeo. E ela custa só US$700.

Apesar de a Nikon ter sido a primeira com a D90, a Canon demarcou o vídeo em DSLR como sua área privada, vendendo câmera atrás de câmera com poderes de vídeo cada vez maiores, criando um novo mercado – o que não é surpresa, já que a Canon faz câmeras de vídeo e a Nikon, bem, não. A D3100 alcança a concorrência no quesito vídeo no que se é esperado, com filmagem 1080p a 24fps em H.264. (Antes, as DSLRs da Nikon filmavam no máximo a 720p, e usavam Motion JPEG.) Ela ainda é menos flexível que a maioria das DSLRs da Canon, já que você precisa cair para 720p a fim de escolher a taxa de quadros – 24 ou 30 fps.

O grande avanço real da D3100 é autofoco real e constante usando o Live View ou enquanto se grava vídeo. Em outras palavras, ela pode ajustar automaticamente o foco o tempo todo, rastreando até 35 rostos , objetos ou pontos, tal como câmeras antigas. (Antes, com DSLRs, você tinha que focar e filmar, e refocar de novo se quisesse ajustar o autofoco.) O segredo não é um segundo sensor: é um autofoco "bastante rápido" baseado em contraste, que tornou-se possível com o novo processador de imagens Expeed2 da Nikon. Estou curioso para ver como isso funciona na prática – será que o vídeo fica mesmo fluido? – especialmente com vários tipos de lentes. Mas é provavelmente o que as pessoas que estão comprando sua primeira DSLR querem de uma câmera em termos de vídeo: facilidade de uso.

Ah sim, esqueci: dá pra usar a D3100 até pra tirar foto. Ela tem um sensor CMOS novo de 14,2 megapixels – esta é a primeira câmera mais em conta da Nikon sem sensor CCD em um bom tempo. O ISO vai de 100 a 3.200, expansível a ISO 12.800. Ela tem um sistema de autofoco de 11 pontos, e a mensuração da exposição é feita por um medidor RGB 3D de 420 pixels. Como estamos falando de DSLRs mais em conta, ela tira fotos a apenas 3 vezes por segundo. Mas ela vem com os úteis tutoriais de fotografia da D3000 original, que explica aos novos donos de DSLR o que significam coisas como exposição em termos simples.

Ela vai custar US$700 com lente kit 18-55mm f3.5-5.6 quando for lançada no meio do mês que vem – US$200 a menos que o preço sugerido da Canon T2i. Vai ser difícil pra Nikon tomar o mercado de câmeras híbridas, dado que a Canon atacou agressivamente, mas começar de baixo pode ser uma boa forma de se fazer isto. Leia o release completo aqui: [Nikon]