Em outubro, a Nokia processou a Apple por violar 10 patentes usadas no iPhone. A Apple respondeu com outro processo, acusando a Nokia de violar 17 patentes dela. Agora a Nokia levou a batalha de patentes para a International Trade Commission (ITC), órgão de comércio dos EUA. A história ficou mais grave, por dois motivos:

Primeiro, a Nokia acusa a Apple de violar patentes em diversos produtos:

[A] Apple viola patentes detidas por ela [Nokia] em praticamente todos os seus celulares, players portáteis de música e computadores.

Ou seja, as sete patentes em questão aparentemente foram violadas não só no iPhone, mas também nos iPods e computadores da Apple, e correspondem a tecnologias "nas áreas de interfaces com o usuário, câmeras, antenas e tecnologias de administração de energia".

E segundo, o ITC pode banir a venda de produtos nos EUA que violem propriedade intelectual, como já fez este ano com a Sharp e a Samsung. Só que isso foi feito com certa rapidez — mais rápido que um processo na Justiça, por exemplo. Mas, segundo a Nokia, a proibição da venda dos produtos da Apple não poderia vir antes do início de 2011. Mesmo assim, a Apple deve reclamar na ITC também, assim como contra-processou a Nokia este mês.

Ou seja, a batalha Nokia vs. Apple — no mercado e fora dele — deve esquentar em 2010. [Reuters e Engadget]