A Nokia está processando a Apple por violação de suas patentes de GSM, UMTS e Wi-Fi, e pode exigir até 400 milhões de dólares.

Segundo a Nokia:

As dez patentes no processo judicial são relacionadas a tecnologias fundamentais para fazer dispositivos compatíveis com um ou mais padrões GSM, UMTS (3G WCDMA) e W-LAN. As patentes cobrem transmissão de dados sem fio, codificação da voz, segurança e criptografia e são violadas por todos os modelos do Apple iPhone vendidos desde seu lançamento em 2007.

De acordo com a Nokia, as patentes em questão foram licenciadas por outras 40 empresas, "incluindo praticamente todas as maiores empresas de dispositivos móveis", e a Apple se recusou a adquirir as licenças para essas tecnologias. Mas não sabemos se a Apple quis pagar menos do que a Nokia quis aceitar, ou se a Apple simplesmente se recusou a pagar.

Segundo a BusinessWeek, as patentes valem de 6 a 12 dólares por celular, e portanto a Apple deveria pagar de 200 a 400 milhões de dólares à Nokia, considerando os 34 milhões de iPhones vendidos até hoje. A Nokia, no entanto, não disse quanto deve exigir da Apple.

Aparentemente, as tecnologias sem fio em questão deixam o iPod Touch de fora. A Apple não é estranha a brigas por patentes, inclusive quanto à tecnologia multitoque no iPhone. [Nokia, Engadget e BusinessWeek]