A Nielsen liberou hoje os números concretos do mercado de smartphone nos EUA no quarto trimestre de 2011. E o resultado só confirma que por lá a disputa já está bem dividida em dois pólos. E que o Windows Phone 7 terá que comer muito, mas muito arroz com feijão para pelo menos não sumir do gráfico.

Os números mostram dados totais de smartphones e aqueles que foram adquiridos nos últimos três meses de 2011 na terra de Barack Obama. No mercado geral, o Android domina com 46,3%, seguido do iOS, com 30%, e do BlackBerry, com 14,9%. O Windows Phone 7 aparece em quarto, com apenas 4,6%.

Já o recorte dos últimos três meses é interessante: 51,7% buscaram um Android, enquanto 37% preferiram um aparelho com iOS. Nesse gráfico, o BlackBerry fica com apenas 6%, e o WP7 com 2,4%. Em comparação ao mesmo período de 2010, o Android perdeu 14% de market share, e o iOS faturou mais usuários trocando de plataformas — isso deve ser explicado pelo lançamento do iPhone 4S e pela manutenção da venda do iPhone 4 mais barato e do 3GS de graça (os dois, para se ter uma ideia, foram os smartphones mais vendidos no país no terceiro trimestre de 2011).

O que isso significa? Que mais do que nunca a disputa nos EUA está polarizada entre duas plataformas. Se antes havia uma fatia nostálgica do BlackBerry e um vislumbre de que o WP7 poderia surgir como terceira força, agora sabemos bem que, pelo menos lá nos EUA, só há duas opções na mente dos compradores: o robô ou a maçã. [Nielsen via Engadget]