Uma das principais críticas às resinas usadas para imprimir objetos em impressoras 3D é que elas não são resistentes o suficiente para uso no mundo real — mas em breve, isso poderá ser considerado coisa do passado. A Formlabs, uma fornecedora de materiais para impressão 3D, desenvolveu uma nova resina mais dura. O novo material não deixa de ser plástico, mas é um plástico muito mais resistente que pode ser transformado em objetos de uso real.

Tough-chain

A Formlabs afirma que objetos impressos com a nova resina têm força e resistência de impacto muito próximos as do plástico ABS — ainda não é o suficiente para produzir um carro impresso em 3D, por exemplo, mas é boa o suficiente para construir objetos como correntes e chaves inglesas.

Entretanto, para utilizar essa nova resina mais resistente, é necessário ter em mãos uma impressora 3D Form 1+ da Formlabs — ela usa resinas fotossensíveis e raios laser para esculpir objetos. A tecnologia presente na impressora permite que ela combine quimicamente cada camada impressa, criando uma corrente de átomos semi-flexíveis que dá à camada final uma força extra sem a necessidade de adicionar fibras ao material.

Em imagens de exemplo, a Formlabs mostra que correntes feitas com a nova resina podem carregar um bloco de concreto, um objeto que pode pesar até 15 kg — um feito impressionante para algo construído em uma impressora 3D.

formlabs_tough_3d_printer_resin_1

Para demonstrar a resina em ação, a empresa produziu um vídeo que mostra as características e alguns usos do novo material em uma Máquina de Rube Goldberg:

A Formlabs já oferece outros tipo de resina, uma transparente e uma flexível, por exemplo. A introdução de um material mais resistente vai certamente produzir protótipos ainda mais interessantes e úteis — quem sabe a combinação de resina flexível e resina resistente não cria próteses ainda mais interessantes que as que já mostramos aqui. [Makezine]