O Banco Central (BC) anunciou novas operações para o PIX em 2022. Três novidades já foram divulgadas:

  1. Transações offline (sem necessidade de internet);
  2. Transações internacionais;
  3. Débito automático.

O PIX completou um ano de funcionamento em novembro e se tornou um dos principais meios de pagamento dos brasileiros. Neste ano, a ferramenta já recebeu diversas novidades como limitação de valor por transação, PIX Saque e PIX Troco.

Recorde num dia só

Embora seja novo, o banco online vem ganhando cada vez mais espaço e credibilidade no país. Não à toa, segundo o Banco Central, no dia 10 de dezembro foi batido o recorde de operações em um único dia com 50,3 milhões de transferências e pagamentos instantâneos.

Ao decorrer desses pouco mais de 365 dias, já foram movimentados pelo menos R$ 550 bilhões no mês, e 1,18 bilhão em transações. O sistema é o terceiro mais usado no país, e fica atrás apenas do cartão e dos boletos.

Transações internacionais

A intenção do BC é levar o PIX a áreas que não tenham acesso à internet, com a ferramenta offline, no entanto, não há informações sobre como a tecnologia será utilizada nestas condições.

Assine a newsletter do Gizmodo

Já as transações internacionais, segundo o BC, visa conectar o PIX com meios de pagamento fora do Brasil, facilitando as compras no exterior, por exemplo.

Segundo o banco, as novas ferramentas devem chegar em 2022.