Há quatro meses, o Google anunciava a mais recente versão do Android, chamada de Marshmallow. Esta semana, ele começa a chegar aos dispositivos Nexus; em alguns meses, ele irá rumo a mais smartphones e tablets. Quais novidades ele recebeu?

>>> A história ilustrada do Android, do Cupcake até o Marshmallow

Google Now em todo lugar

Uma dos principais recursos do Marshmallow é o Now on Tap. Ele coloca o Google Now a um toque de distância a partir de qualquer app, pronto para sugerir cards com base no que você está vendo em um determinado e-mail, vídeo ou mensagem.

Quando você estiver em um determinado app e quiser ativar o Now on Tap, basta segurar o botão Home: ele irá sugerir cards com base no assunto em questão.

Novidades do Android Marshmallow (3)

Digamos que você está assistindo a um vídeo de um bebê andando em um “hoverboard”. Segure o botão Home, e você pode ver um card do YouTube com vídeos de outros bebês em hoverboards, ou um link para comprar o veículo de duas rodas.

Ou, como vimos em nosso próprio hands-on, você pode tocá-lo enquanto ouve uma música no Spotify para perguntar alguma coisa sobre o conteúdo, como “quem é o vocalista?” – ele entende o contexto e é capaz de responder.

O aprendizado de máquina e a compreensão de contexto, duas coisas nas quais o Google sempre se destacou, estão embutidos no Android.

Controle sobre permissões e privacidade

Alguns aplicativos têm acesso a tantos elementos do smartphone – como microfone, localização e câmera – mesmo que não precisem necessariamente deles. O Marshmallow deixa as permissões muito mais refinadas, e é um passo em frente para quem se preocupa com a privacidade.

Novidades do Android Marshmallow (4)

Antes, um app podia pedir para usar a sua câmera ou localização ao baixá-lo e instalá-lo. Agora, você pode dizer “sim” ou “não” a permissões específicas dentro de um app, cada vez que você o usar. Em geral, será muito mais fácil saber exatamente a quais informações um app específico tem acesso.

Ajustes na interface e experiência do usuário

O Material Design entra no seu segundo ano servindo como um manifesto de design do Google, e ainda está evoluindo. Com o Marshmallow, ele ficou mais maduro. Há uma nova animação durante o boot, e uma série de novas animações para recursos como o Now on Tap que parecem nítidos e animados sem serem exagerados.

Novidades do Android Marshmallow (2)
Android Police/YouTube

Há também algumas novidades na experiência de usuário. O principal deles é o suporte nativo a reconhecimento de impressão digital.

O Marshmallow também traz acesso mais rápido ao sistema de reconhecimento de voz a partir da tela de bloqueio – basta deslizar a partir da borda esquerda.

Por último, a interface de copiar/colar ficou bem semelhante ao iOS, e ocupa menos espaço na tela.

Doze: conserva a bateria mesmo quando você se esquecer

Você deve saber como é terrível pegar o smartphone de manhã e perceber que você esqueceu de carregá-lo durante a noite. Um dos recursos mais notáveis n​o Marshmallow é o Doze, projetado para ativar um perfil inteligente de baixo consumo de energia quando percebe que você não está usando o dispositivo.

Novidades do Android Marshmallow (1)

O Doze monitora quanto tempo passou desde que você desbloqueou o celular, ou quanto tempo ele não é ligado à tomada. Então, ele desliga todos os apps que poderiam sugar bateria enquanto ele não é usado. Segundo o Google, o Doze pode fazer sua bateria durar cerca de 30% mais tempo.

Mais sensores com menos energia

O Doze está intimamente ligado a um importante recurso de hardware que o Marshmallow suporta: o Android Sensor Hub, um processador que usa pequenas quantidades de energia para monitorar continuamente os dados de sensores do telefone sem sugar bateria.

Novidades do Android Marshmallow (2)

O Hub é projetado para reconhecer passivamente diferentes tipos de atividade baseado em dados do acelerômetro e de outros sensores – é assim que ele ajuda o Doze a determinar se ele deve ativar o modo de baixa energia. Mas ele também vai ajudar a controlar coisas como dados de atividade física e localização.

“Ao deslocar o processamento de sensores da CPU principal para o Android Sensor Hub, somos capazes de usar uma fração da energia”, explicou Dave Burke, do Google, na semana passada.

Suporte a USB Type-C

Há também uma boa notícia para periféricos e carregamento: o Marshmallow tem suporte a carregamento por USB Type-C. Isso significa que você pode carregar dispositivos mais do que três vezes mais rápido – e em qualquer orientação, já que o cabo é reversível.

Quando?

O Marshmallow vem pré-instalado nos novos Nexus 5X e 6P, e a atualização para o Nexus 5, 6, 7 (2013) e 9 já está sendo distribuída. Se não surgir uma notificação no seu dispositivo, você pode verificar manualmente indo em Configurar > Sobre > Atualizações do sistema.

No caso de outros dispositivos, a espera será mais demorada. Por enquanto, apenas a Motorola e a HTC confirmaram quais dispositivos receberão o Marshmallow.