A Dell realmente quer que você escolha o Alienware Area-51m em vez de um desktop de ponta. A empresa vem chamando o modelo de “substituto de desktop” desde a estreia da linha em 2019, e não sem razão: além de atualizar sua memória e armazenamento, você tem a opção de mudar também sua CPU e GPU.

Você ainda pode fazer isso com o próximo Alienware Area-51m R2, que estará disponível nos EUA em 9 de junho de 2020, mas, com um preço inicial de US$ 3.000, ele não é um substituto de desktop barato.

Você também não pode atualizar o futuro modelo anterior com um processador Intel de 10ª geração ou uma placa gráfica RTX Super, mas há uma boa razão (em breve falo mais sobre isso).

O Alienware Area-51m R2 suporta até Intel Core i9-10900K, Nvidia RTX 2080 Super, 64 GB DDR4-2933 RAM, opções múltiplas e duplas de armazenamento RAID até 4 TB e tela 4K com taxa de atualização de 60 Hz. Suponho que o preço inicial de US$ 3.050 inclua os componentes de menor desempenho possíveis para configurar o Area-51m R2. Caso contrário, estaria de graça para todos os recursos e componentes acima.

Provavelmente, o modelo de US$ 3.050 virá assim: Intel Core i7-10700, Nvidia GTX 1660 Ti, 8 GB DDR4 2933 MHz de RAM, SSD de 256 GB NVMe m.2 PCIe e display de 17,3 polegadas Full HD 1080 144 Hz 300 nits.

Se você estivesse comprando esses itens separadamente para construir um desktop (e lembre-se de que as CPUs de 10ª geração para desktop ainda não estão disponíveis), custaria cerca de US$ 1.000, que é um preço razoável para um conjunto de orçamento intermediário com um processador topo de linha. Então, você estaria pagando muito a mais por este Alienware.

Limitações

Se você tem bastante dinheiro para gastar por um laptop Area-51m, escolha o modelo R1. Ele possui um processador de última geração, placa gráfica melhor, mais RAM e capacidade de armazenamento dupla, com um SSD de 256 GB NVMe M.2 PCIe um drive híbrido de 1 TB (+8 GB SSHD).

Mas o Area-51m R1 não tem a opção de atualizar o processador e a placa gráfica para um Intel de 10ª geração e uma RTX 2070 Super ou uma RTX 2080 Super. Isso ocorre devido a algumas mudanças no projeto arquitetônico.

A Intel possui um novo chipset de placa-mãe, o Z490, para seus processadores de desktop de 10ª geração em um novo layout LGA 1200. O chipset da placa-mãe anterior, Z390, possui um layout LGA 1151. Isso significa que uma CPU Intel de 10ª geração não se encaixa fisicamente no soquete de última geração na placa-mãe; os novos chips têm 1.200 pinos, enquanto os mais antigos têm 1.151 pinos.

As GPUs RTX Super para laptops, assim como uma nova versão da RTX 2060, também receberam atualizações para melhorar a capacidade térmica e o desempenho.

Embora as variedades de placas gráficas Max-Q não estejam disponíveis para o Area-51m R2, a Nvidia melhorou a eficiência do compartilhamento térmico entre os componentes por meio de um processo chamado Dynamic Boost, que troca a potência entre a CPU e a GPU onde é mais necessário.

Mas se o Alienware Area-51m R2 não vem com as versões Max-Q das placas da Nvidia, por que você não pode atualizar o atual Area-51m com uma Super?

A Nvidia disse ao Gizmodo que, em termos de arquitetura, a RTX 2070 Super e a RTX 2080 Super devem ser compatíveis com o Alienware Area-51m R2 da Dell, mas tudo se resume à implementação de design da plataforma da Dell.

Um porta-voz da Dell afirmou ao Gizmodo que “devido às diferenças geracionais das placas Super, não podemos estender o suporte além da geração de GPU para a qual o Area-51m R1 foi projetado”.

Portanto, parece que tudo o que Dell está fazendo em termos de design desta vez faz com que os kits de atualização (lançados apenas em novembro de 2019) para o Area-51m R1 não sejam compatíveis com as placas Super. A Dell confirmou isso ao Gizmodo, dizendo que os “kits de atualização para o R2 são novos”, não são os mesmos que o R1 e estarão disponíveis no segundo semestre de 2020.

O fato de a Dell ter prometido grandes possibilidades de atualização pode parecer enganoso, mas a empresa, na verdade, nunca prometeu nada. Quando o Area-51m R1 foi lançado em janeiro de 2019, a Dell disse ao The Verge que, embora os clientes pudessem atualizar a seleção de placas oferecidas para o R1, não era possível dizer se esse seria o caso para qualquer GPU nova para laptop lançada para modelos posteriores.

Se o Area-51m R2 for demais para o seu bolso, a Dell está lançando alguns outros novos modelos de laptops gamers:

  • Alienware m15 R3: até Core i9-10980HK, RTX 2080 Super (Max-Q), começando em US$1.500 (disponível em 21 de maio de 2020);
  • Alienware m17 R3: até Core i9-10980HK, RTX 2080 Super, partindo de US$ 1.550 (disponível em 21 de maio de 2020);
  • Alienware Aurora R11: até Core i9 10900KF, RTX 2080 Super com resfriamento líquido (com opções de duas placas gráficas até o modelo RTX 2080 Ti), começando em US$ 1.330 (disponível em 21 de maio de 2020);
  • G3 15 (3500): até Core i7-10750H, RTX 2060, partindo de US$ 780 (disponível em 21 de maio de 2020);
  • G5 15 (5500): até Core i7-10750H, RTX 2070 Max-Q, partindo de US$ 830 (disponível em 21 de maio de 2020).