O Nubank recebeu um novo investimento de US$ 80 milhões para continuar crescendo e ganhando novos clientes. Estima-se que a startup brasileira está chegando a um valor de mercado próximo a US$ 1 bilhão.

Cartão Nubank dá desconto se você antecipar pagamento de compras parceladas
Entrevista: o CEO do Nubank conta o segredo do cartão de crédito sem anuidade
Nubank quase dobra juro máximo do cartão para alguns clientes e se explica

O novo investimento foi feito pela DST Global, um fundo de investimentos que atua só em empresas de internet, e tem no Nubank o primeiro investimento feito na América do Sul.

O valor da empresa ainda não atingiu US$ 1 bilhão, segundo fontes relacionadas ao assunto, mas parece cada vez mais próximo. Na linguagem usada pelo Vale do Silício, quando bater essa marca, o Nubank vai ser considerado um “unicórnio”. Oficialmente, a empresa não comenta ou confirma valor de mercado.

Com a grana, o Nubank quer continuar crescendo. À Folha, o CEO da empresa, David Vélez, disse que pretende usar o investimento para acelerar o crescimento, melhorar o aplicativo e aumentar o quadro de funcionários para conseguir analisar mais pedidos feitos pelos seus cartões de crédito.

[TechCrunch, Folha]