A startup brasileira Nubank recebeu um investimento de peso nesta semana. A Tencent, uma das maiores empresas de tecnologia da China, anunciou um investimento de US$ 180 milhões na companhia que oferece cartão de crédito sem anuidade e conta digital.

• Novo cartão do Nubank vai permitir pagar sem passar na maquininha
• NuConta, a “conta corrente” no Nubank, agora está disponível para todos

Esse é o primeiro investimento da Tencent no Brasil, mas ele é bem estratégico. O Nubank tem cinco milhões de clientes ativos no cartão de crédito, o que, segundo o seu CEO, David Velez, o coloca como o maior banco digital do mundo ocidental e o quinto maior emissor de cartões do Brasil. A startup tem ainda 2,5 milhões de usuários na NuConta.

De acordo com o TechCrunch, o investimento foi separado em dois: trata-se de US$ 90 milhões em investimento direto e os outros US$ 90 milhões em mercado secundário. A notícia do aporte foi dada primeiramente pelo Information, que afirmou que o Nubank já está avaliado em US$ 4 bilhões.

O valor é o dobro da avaliação realizada em março, quando a fintech também recebeu investimentos.

De acordo com Velez, o investimento da Tencent também é estratégico para a startup brasileira, já que a empresa chinesa tem uma forte atuação no mercado financeiro digital asiático. Segundo ele, a companhia não precisava de mais capital, mas eles “enxergaram muito valor na parceria”.

Na China, a Tencent é dona do aplicativo WeChat, ferramenta de mensagens mais utilizada no país, que é integrado ao sistema de pagamentos via celular WeChat Pay. A empresa possui ainda a QQ, uma empresa de pagamentos digitais similar ao PayPal. A Tencent é avaliada pelo mercado em US$ 370 bilhões e é a segunda maior empresa de tecnologia da China; só fica atrás da Alibaba, avaliada em US$ 400 bilhões.

Já o Nubank levantou cerca de US$ 420 milhões captados em sete rodadas de investimentos desde que foi fundada em 2013.