“Eu gosto de cada coisa em seu lugar”, disse Steve Sauer, um engenheiro da Boeing que passou os últimos 7 anos transformando seu porão de 16 metros quadrados em uma moradia com três níveis. Deu pra ver a banheira?

Ah, aqui está ela, construída diretamente no chão bem abaixo da porta da frente e coberta por um painel de Chroma da 3form. Esse é apenas um dos pitacos geniais que Sauer trabalhou em sua casa com cara de quebra-cabeça, que também conta com duas camas, uma TV de 37”, um banheiro com chuveiro, uma cozinha com uma máquina de lavar pratos funcionando, e espaço para duas bicicletas tamanho adulto.

Há inclusive uma “área do café” – a parte de cima com uma mesa – e um “lounge de vídeo” – o espaço embaixo com a TV. Inspirado nas construções escandinavas e japonesas para sobrevivência no espaço, Sauer precisou de centenas de horas caçando na internet os componentes certos (no tamanho certo também). Quando ele não encontrava, fazia com as próprias mãos.

E seu bunker modificado não é apenas para seu próprio conforto – Sauer disse que “as festas são fantásticas” no local, e que foi possível enfiar 10 pessoas lá. É o tipo de festa para pessoas que não têm problemas com contato e toque humano durante toda a noite, certo?

Realmente impressionante, caro Sauer, mas acho que meu momento atual pode acabar com a graça do seu – eu estou escrevendo direto de meu home office, que também funciona como minha sala de jantar (eu estou comendo um saco de salgadinhos), que também funciona como minha sala de entretenimento (eu estou ouvindo música), que também funciona como meu local de dormir, já que eu estou deitado na cama. [Seattle Times via Apartment Therapy]