O iPad pode ser mágico para a Apple, mas isso não quer dizer que eles querem matar os notebooks ou desktops. A base de usuário continua crescendo, largou o posto de “coisa de gente descolada e estranha” e já existem 54 milhões de usuários de Mac. O crescimento anual da plataforma é de 28%. O próximo passo? Lion, a nova versão do sistema operacional da Apple, com 250 novidades e 10 que Phil Schiller considera “as mais importantes”. Confira as primeiras informações — e os spoilers da Apple Brasil.

Enquanto Phil Schiller demonstra o Lion ao vivo no WWDC, a Apple Brasil já disponibilizou as melhores sacadas do Lion. A promessa continua a mesma: uma mistura de Mac OS X com iOS, de forma compacta. Entre as novidades mais interessantes, há a possibilidade de apps em tela cheia, um novo Mission Control mais útil, e resposta à multitoque, além do AirDrop e outras novidades. Há agora um Launchpad muito semelhante ao formado do iOS, mas com um detalhe importantíssimo: resumo de apps. Diferente do iOS 4, que reabre o app quando você o seleciona no multitask, o Lion te leva exatamente para onde você estava. Mas era o mínimo que esperávamos, não?

Confira tudo no site da Apple Brasil — que inclui vídeos — e fique no aguardo: estamos acompanhando a WWDC e em breve voltaremos com mais  informações e análises sobre o novo sistema, que chega no segundo semestre. [Apple Brasil; foto via This Is My Next]