É inflamável e consegue fazer você enxergar coisas que pareçam com isso antes do fim da balada.

É tequila, ampliada 1000x. O pesquisador Michael Davidson da Florida State University está com um projeto de criar micrografias de bebidas absurdamente ampliadas. As imagens produzidas são como viagens de ácido, cara. Para fazer uma micrografia como essa, a bebida é cristalizada em uma lâmina de laboratório, então iluminada por uma luz polarizante através do cristal. Caleidoscópio instantâneo. E nenhuma bebida é parecida com outra. Você não vai acreditar na vodka. Veja as mais de 50 bebidas micrografadas aqui.