Um daqueles brinquedos aquáticos de parque de diversões? Um OVNI que parece um inseto, virado de costas, mexendo as patas? Algum dispositivo para explodir o planeta no mais novo filme de desastre de Hollywood? A mãe de todos os Roombas?

Este disco de cinco metros de diâmetro, 3,4 toneladas e com paineis solares é um purificador flutuante de água, que será colocado nos canais de Osaka, no Japão, e no fosso que cerca o famoso castelo da cidade. Criados pela NTT, estes "OVNIs solares" filtram até 9.000 litros de água nas 6 horas por dia que eles estarão em funcionamento, enquanto jorram a água limpa e oxigenada por um orifício na parte de trás do aparelho, provavelmente porque essas coisas poderiam ser meio assustadoras, mas qualquer coisa que jorra água — baleias, golfinhos — são uma graça. É verdade, repara só pra você ver!

À noite, os discos só vão ficar flutuando de forma suspeita. Eles têm uma bateria solar que armazena energia para quando acabar a luz do sol, mas apenas para acender as luzes LED nas bordas dos discos. [Asahi via Pink Tentacle, segunda imagem do Mainichi Daily]