Ele pode não ter a vasta riqueza de Tony Stark, mas Emile Leray parece ser tão habilidoso em mecânica quanto Stark é com armaduras de super herói. Quando seu Citroen 2CV quebrou no deserto, ele gastou 12 dias reconstruindo-o sob a forma de uma moto funcional capaz de tirá-lo dali.

O francês dirigira pelo deserto no noroeste da África quando chegou a um bloqueio militar na estrada que o impedia de continuar devido a alguns conflitos que se desenrolavam naquela região. Em vez de atender as orientações dos soldados armados, Emile decidiu contornar o bloqueio pelo deserto, onde seu Citroen acertou uma pedra — quebrando um braço oscilante e um pedaço importante da estrutura do veículo, deixando-o a pé.

Sem a intenção de abandonar o veículo ou alguns itens de valor que carregava e que, se deixados ali, certamente seriam roubados, Emile decidiu pegar o caminho dos fortes e transformou as partes funcionais em uma moto no melhor estilo Mad Max. Tenha em mente que essa coisa foi construída sem as ferramentas que você encontra em uma oficina mecânica ou em uma garagem. Ele dispunha apenas de uma caixa de ferramentas básicas e uma serra tico-tico. Stark tinha pelo menos uma solda à sua disposição.

Emile conseguiu voltar para casa para contar a história e embora a sua criação não tenha sido usada para combater o crime (a história aconteceu em 1993), ela serve como uma bela credencial para eventos e fóruns de automobilismo ao redor do mundo.

A moto de Leray por outro ângulo.