Ao longo das próximas semanas, ouviremos muita coisa das fabricantes sobre como um híbrido ou outro dá a você todos os benefícios de um notebook e de um tablet, sem comprometer o design. O Dell XPS Duo 12 é um dos poucos que realmente suportam esse discurso.

O Duo é um tablet/notebook conversível que muda do modo notebook para o tablet de um jeito diferente do da maioria dos outros modelos que estão por vir. No modo padrão, é um notebook touchscreen totalmente funcional, mas você pode empurrar a tela através da sua moldura e ela gira totalmente até chegar e parar na posição correta graças a ímãs.

Vendo a moldura de frente, fica a sensação inicial de que é um design barato. Mas o mecanismo é mais robusto do que aparenta e a Dell sabe que precisa fazer essa coisa ser durável caso queira que alguém compre. O quanto robusto ele é exatamente é algo que só poderemos avaliar com mais tempo de uso, mas por agora, ele parece bem sólido.

Ah, e a tela em si tem um painel Gorilla Glass e resolução de 1080p com representações de cores muito, muito boas.

XPS Duo 12 aberto.

O XPS Duo 12, como o XPS 10, compartilha seu design com os bem bacanas dos ultrabooks XPS 13 e XPS 14. A maior mudança neste, além da tela que gira, é o uso de fibra de carbono na parte frontal da tampa. Nos dois modelos citados, ela era de alumínio. De qualquer forma, a linguagem de design geral e o teclado são os mesmos. E isso é uma coisa boa, já que aqueles XPSs são máquinas legais e têm teclados ótimos.

Em termos de usabilidade, com alguns minutos usando-o e passeando pela tela, o trackpad é muito, muito bom. Ele está quilômetros à frente dos trackpads das máquinas XPS anteriores. Já faz algum tempo que a Dell vinha fazendo excelentes notebooks com trackpads ruins; parece que eles enfim corrigiram essa enorme falha.

Ainda não temos as configurações completas, nem preços, mas se você estiver interessado em um híbrido com Windows 8, este, junto com seu irmãozinho XPS 10, é um para ficar de olho. [Dell]

[nggallery id=25]