Micheal Arrington, do TechCrunch, acredita que o Facebook está fechando os olhos para essa questão porque não quer perder receitas. Ele aponta o popular jogo Farmville como um exemplo: “Levei cerca de dez segundos para encontrar anúncios realmente ‘scammy’”.

O Facebook, claro, alega que faz tudo o que pode para evitar scams. Em uma troca de e-mails com a “Newsweek”, o porta-voz do site David Swain diz que eles têm agido “agressivamente para interromper qualquer atividade que ameace ou prejudique” os usuários. “Qualquer declaração contrária é falsa.” Policiar e restringir anúncios de scam será um desafio cada vez maior para o Facebook, então é bom eles atacarem o problema agora, enquanto ele ainda é controlável. [Newsweek; imagem TechCrunch]