Jogos de peso (para o seu aparelho e o seu bolso) e apps espertos é o que temos para essa semana. Destaque para o remake 3D, bonito e caro de Final Fantasy III e o engenhoso Smart Screen ON, que usa o sensor de proximidade do Galaxy Nexus para (des)bloquear a tela. Pra que botão físico?

Final Fantasy III.

Final Fantasy III (US$ 15,99): Antes disponível apenas no Google Play japonês, a terceira versão da clássica série de RPG da Square-Enix agora ganha o mundo — com um preço relativamente salgado. O jogo é um port da versão com gráficos tridimensionais lançada em 2006 para Nintendo DS. No Android, ele ganhou algumas cenas extras e gráficos sensivelmente melhorados.

 

Oscura.

Oscura (US$ 1,99): Olhando de relance, este jogo de plataforma com sombras parece uma mistura entre Limbo e Outland. Na história, você controla um… uma… ahn… uma sombra que precisa restaurar as partes do cristal do farol para restabelecer a luz enquanto dá uns sopapos nas criaturas da escuridão.

 

MiHome Launcher.

MiHome Launcher (grátis): Se você sempre quis ver de perto como é o visual da MIUI, uma custom ROM popular do Android, mas nunca teve estômago para fazer o rooting e instalá-la, eis a chance — desde que o seu smartphone já esteja rodando o Ice Cream Sandwich. O MiHome é um launcher que traz o visual da MIUI para outros smartphones e não pede nem mesmo rooting. Esta versão só funciona no Android 4.0 e é, obviamente, limitada em comparação com a sua inspiração — não tem, por exemplo, o app drawer da MIUI.

 

The Amazing Spider-Man (US$ 6,99): Novo filme de herói significa que…? Sim, que tem um novo jogo de herói pegando rabeira no sucesso das telonas. O Homem-Aranha ganhou um reboot nos cinemas e agora está presente também no Android. O jogo dá bastante liberdade a quem controla o Cabeça-de-Teia em 25 missões dispostas pela grande Manhattan, com gráficos 3D bem bonitos.

 

misHaps.

misHaps (US$ 0,99): Quem usa algum mecanismo de bloqueio no celular se vê numa situação meio complicada quando perde o celular: como a pessoa que o achou faz para descobrir dados como o número do dono ou de alguém próximo a ele? Pensando nesse cenário surgiu o misHaps. O app permite configurar algumas informações de contato que aparecem na lockscreen depois de um tempo pré-definido pelo usuário. Dessa forma, fica fácil para a boa alma (confie nas pessoas, confie nas pessoas, confie nas pessoas…) que encontrar o seu aparelho perdido entrar em contato para devolvê-lo e, no dia-a-dia, ele fica escondidinho a ponte de você esquecer que ele está ali.

 

Smart Screen ON.

Smart Screen ON (grátis): Veja que ideia genial: usando o sensor de proximidade do aparelho, este pequeno app permite travar e destravar o sistema, “economizando” o botão físico (caso o seu tenha) ou dando um input frontal para isso em aparelhos que não têm botões frontais (como o Galaxy Nexus/X). O app, aliás, foi pensado e feito para o Galaxy Nexus, então não se frustre se ele não funcionar no seu — testamos, sem sucesso, em um Galaxy S II Lite e no Play há várias pessoas confirmando que o app não funciona nos seus modelos. Existe ainda uma versão Pro, que custa US$ 2 e traz recursos extras.

 

Super Missed Call.

Super Missed Call (grátis): Este app é quase uma babá dos que não costumam atender a ligações ou que, por um motivo qualquer, se vê em situações onde não pode atendê-las no momento. O Super Missed Call acrescenta alguns truques ao Android no quesito telefonia: ao receber uma ligação, vire a tela do smartphone para baixo para ignorá-la; quando estiver pronto para retornar a chamada, simplesmente leve o aparelho ao ouvido — um lance quase-Galaxy S III. As configurações ainda permitem agendar alertas para lembrá-los de retornar chamadas mais tarde. A versão gratuita exibe anúncios; existe uma paga, por US$ 1, que elimina as propagandas.