Depois de uma pequena interrupção nos apps da semana voltamos com algumas compensações. Além da lista da semana estar mais gordinha (e recheada com apps gratuitos), trouxemos um aplicativo que pode estar entre um dos melhores do ano e que vai enlouquecer os jogadores de Magic: The Gathering.

Magic 2013 (grátis em versão limitada ou US$10 pelo jogo completo): Magic é um jogo de cartas colecionáveis que costumava ser um vício bastante caro. Costumava, porque agora você pode aprender a jogar de graça e começar a investir no seu deck virtual pagando bem menos do que pagaria pelas cartas físicas.

Os puristas provavelmente dirão que não tem como substituir a textura do papel, o brilho das cartas foil ou a sensação de deslizar cada uma das cartas no plástico protetor – e é verdade –, mas o iPad tem suas vantagens também.

Os iniciantes, por exemplo, vão adorar o tutorial extremamente detalhado, explicando para que serve cada um dos elementos presentes nas cartas, contagem automática de pontos, além da possibilidade de pedir dicas sobre o que fazer e também escolher a dificuldade do jogo. Tudo isso, sem pagar nada e em português. Se por acaso pegar gosto pela coisa, pode começar a investir no jogo completo ou em mais decks – podendo até passar para drogas mais pesadas, como cartas físicas. Já os veteranos provavelmente irão admirar quão naturais e intuitivos são controles, a facilidade de encontrar pessoas para jogar no multiplayer e a possibilidade de admirar melhor cada uma das sensacionais ilustrações das cartas em uma tela retina.

Mas seja pelo saudosismo de reviver um vício antigo, ou para ter uma maneira mais simples de atrair amigos para caírem no mundo das drogas com você ou pela vontade de entender qual é a desse jogo tão famoso, vale a pena baixar este app. Ele é um forte candidato a um dos melhores apps de iPad do ano – ou pelo menos do semestre.

Madefire Comics (Grátis): Provavelmente você já tem um app para leitura de comics no seu tablet, mas esse aqui é bem diferente de todos os que você já viu. Ele oferece “motion books”, uma nova e impressionante maneira de interagir com os quadrinhos. O acervo ainda é bem limitado, mas o que eles oferecem é de graça e tem qualidade o suficiente para deixar com vontade de interagir com mais histórias neste estilo.

The Design Museum Collection for iPad(Grátis): Este app traz 59 objetos do acervo do Design Museum de Londres com informações sobre cada um deles e o designer que os projetou. O app inclui galeria de imagens e também vídeo com comentários. Essencial para qualquer designer.

National Parks by National Geographic (Grátis, mas cobra por conteúdo adicional): As fotos incríveis das belezas naturais dos Estados Unidos podem servir como inspiração para ilustradores, fotógrafos ou estimular você a agendar a sua próxima viagem. O app também inclui dicas sobre o que ver e o que fazer em cada parque, segredos, recomendações importantes, estatísticas sobre cada um deles.

Creatures of Light (Grátis): Galeria de imagens, vídeos, animações e curiosidades sobre as criaturas bioluminescentes. Ele é baseado em uma exposição que está acontecendo em Nova Iorque, mas como nem todo mundo pode ir até lá para acompanhar, o app acaba sendo um bom quebra-galho.

Condition One (Grátis): Assista vídeos curtos de uma maneira totalmente nova e muito mais imersiva. O app usa o acelerômetro do seu iPad para entender para onde você quer “olhar” no vídeo. Cada vez que você assiste a um vídeo, é uma experiência nova, porque você pode explorar ângulos de visão diferentes.

Casa Claudia Premium Inspiração (Grátis): Se você está tentando deixar o seu cantinho mais aconchegante, mas não faz a menor ideia de por onde começar, este app pode ser uma ótima fonte de inspiração. Ele traz diversos espaços decorados para usar como referencia e você pode adicionar anotações e salvar ambientes como favoritos.

[youtube ktmCo7vG2wo 640 360]

The Act (US$3): Uma comédia interativa onde você precisa salvar seu irmão, seu emprego e conquistar a garota dos seus sonhos. Mistura desenhos animados e filmes mudos com elementos de jogo e tem legendas em português. Você controla as ações do protagonista deslizando o dedo pela tela. Tem uma pegada diferente, mas a história poderia ser um pouco mais longa. De qualquer maneira é divertido e tem uma trilha sonora bacana.