Atualmente, por um motivo ou outro, um número muito grande de pessoas usa o iTunes como player musical padrão. Alguns a contragosto, já que o programa é o único que lida com as iCoisas, outros – como eu – por achar que, mesmo pesando um pouco na máquina, ele faz um ótimo trabalho em organizar e reproduzir coleções de músicas de maneira elegante e eficiente. Mas isso não quer dizer que ele seja perfeito, e, de fato, ele está longe disso. Neste post, vamos ver alguns add-ons que transformam o iTunes em algo mais útil do que a Apple até agora permitiu que ele fosse.

Talvez por ser um software da própria Apple, a quantidade de add-ons realmente bons compatíveis com o iTunes para Windows é um tanto menor, mas tentei encontrar sempre alguma alternativa ou outro software para Windows também.

TunesArt (Mac) e CD Art Display (Win)

O fato de eu ter encontrado o TunesArt (acima) foi o que motivou a pesquisa por outros add-ons interessantes e a subsequente criação deste post. Antes do TunesArt, eu utilizava o iTunes “puro”, sem nenhum add-on, mas agora eu tenho no meu desktop um visualizador bonitão com a capa e as informações da música que está tocando, recebo um rápido aviso personalizado a cada mudança de música, acesso as letras com dois cliques em um pop-up elegante e tenho todas as funções que uso ao alcance de um atalho universal de teclado, inclusive uma busca inteligente e rápida, aos moldes do Spotlight, apenas para a minha coleção de músicas. Infelizmente o TunesArt é exclusivo para Mac, mas os usuários do Windows têm um substituto quase à altura, o CD Art Display. [Download: TunesArt, CD Art Display]

Vagalume (Win)

Toda música (boa) fica mais interessante quando a gente pode ler a letra e decorá-la. Procurar cada uma no Google, tendo que digitar o nome completo e eventualmente caindo num daqueles sites cheios de banners e pop-ups, muitas vezes tira o tesão de fazer isso. Há vários plugins que se encarregam de pesquisar e exibir essas letras (inclusive os dois citados anteriormente), mas o Vagalume ganha recomendação por ser brasileiro, não deixando a desejar na hora de exibir aquela poética letra do Jota Quest. (Particularmente, enquanto site, eu prefiro mil vezes o letras.mus.br ao Vagalume, mas o Letras só possui plugins para Windows Media Player e Winamp.) [Download: Vagalume Plugin]

FoxyTunes (Mac + Win)

Se você é como eu, passa 90% do tempo de uso do computador dentro do navegador. Sempre ouvindo música, claro. Para pessoas como nós, ter uma forma prática de controlar isso é essencial, para não ter que ficar abrindo o pesado iTunes a todo momento. O FoxyTunes resolve esse problema colocando uma barra de controle no Firefox ou Internet Explorer (nada de Chrome, infelizmente). Além de permitir controlar a reprodução das músicas, a barra personalizável ainda pode mostrar informações e abrir letras no navegador com dois cliques. [Download: Foxytunes]

TuneUp (Mac + Win)

Alguns masoquistas gostam de preencher todas as informações das músicas na mão, inclusive procurando as capinhas dos CDs no Google Imagens, mas isso não se aplica a todos. Quem tem preguiça pode usar o TuneUp, que faz todo o serviço por você. Ele pega as informações e as capas, inclui para você, e ainda exibe informações relacionadas ao que estiver tocando. Diferente dos outros add-ons deste post, o TuneUp é pago: a versão gratuita te deixa testar com até 100 músicas, depois ele vem em duas versões: uma anual de 19 dólares e uma vitalícia por 29. [Download: Tuneup]

Remote (iPhone) e Bowtie (Mac)

As maravilhas do Wi-Fi significam que, com as ferramentas certas, você pode estar virtualmente em dois lugares ao mesmo tempo. Em outras palavras: você pode usar uma máquina para controlar outra na mesma rede. No caso do iTunes, isso funciona em mão dupla: o Remote é um app oficial da Apple, gratuito, que permite usar o iPhone para controlar qualquer iTunes que esteja rodando em um computador na mesma rede. É muito “do futuro” estar deitado na cama em um domingo preguiçoso, controlando as suas músicas que estão tocando no desktop da sala. O Bowtie, por outro lado, é um concorrente do TunesArt, que tem um app companheiro que inverte o processo, permitindo que você use o iTunes do computador para controlar o que toca no seu iPhone – que pode estar em um dock, ou coisa parecida. Só que o App do Bowtie, ao contrário do Remote, não sai exatamente de graça: custa US1. [Download: Remote, Bowtie]

AutoRate (Mac)

Eu uso os Ratings (as estrelinhas) do iTunes extensivamente. Elas servem a um propósito estético – evidenciar as minhas músicas favoritas de cada álbum – e a um prático – facilitar enormemente a criação de playlists inteligentes. Mas nem todo mundo tem saco para avaliar as músicas. O AutoRate teve a ótima ideia de automatizar esse processo usando os seus hábitos de audição: se você constantemente pula a música em questão, ela perde uma estrela; se escuta repetidamente, ela fica melhor avaliada. É um belo atalho para quem gosta da ideia de ter as suas músicas avaliadas, mas não se puxa o bastante para fazer isso manualmente. [Download: AutoRate]

Estes foram os mais interessantes que eu encontrei. E você? Tem alguma sugestão de add-on para o iTunes?