Se seu filho está passando muito tempo no Facebook, o que você deve fazer? Cortar a internet dele? Isso é chato e difícil. Restringir o acesso dele? Não é muito realista. Deixá-los de castigo? Ha ha. Que tal um contrato assinado que promete dinheiro a seu filho se ele ficar fora do Facebook por seis meses? Parece uma boa ideia!

Paul Baier firmou um contrato com Rachel, sua filha de 14 anos, que a obriga a não usar o Facebook entre 04 de fevereiro e 26 de junho de 2013. Se ela cumprir o acordo até abril, ela recebe US$ 50; se evitar o Facebook até junho, recebe os US$ 150 restantes.

O contrato é bastante rígido, lembrando que isso é acordo entre pai e filha: Paul tem acesso à senha dela no Facebook, portanto ele pode desativar completamente a conta da filha.

O que surpreende nisso tudo é que a ideia do contrato foi da filha, não do pai. De acordo com Paul, sua filha queria ganhar algum dinheiro e parar de se distrair com o Facebook. Dois coelhos com uma cajadada só, ou algo assim.

Rachel não deve largar o Facebook completamente, no entanto: ela planeja usá-lo novamente daqui a seis meses. Mas é bom para as crianças ficarem longe de redes sociais. Na verdade, todo mundo deveria ficar longe desta maldita vida digital e oferecer aos seus filhos o mesmo negócio. [Daily Dot]

Imagem via Practical Sustainability