Olha só que bacana: o painel do aeroporto de Confins, perto de BH, roda Windows, e o ícone do aplicativo com pousos e decolagens é um aviãozinho. Não é fofo? Mas que Windows é esse que fica com um pop-up chato no canto inferior direito? É isso que eu estou pensando?

Sim, é a popular mensagem (ao menos no Brasil) que o “Windows não é genuíno”, normalmente mostrada para usuários de Windows pirata. Um escândalo que apareceu no início do mês em alguns jornais e que não fiquei sabendo, até nosso leitor Pedro Teles (valeu, Pedro!) avisar por e-mail. A Infraero respondeu rapidamente:

A Infraero só utiliza software original. Esta mensagem de erro registrada na foto é uma função automática do Windows que é exibida até que a licença seja ativada pela Internet.

Isto ocorreu durante o procedimento de troca dos conjuntos de monitores de informação de voo, que foi concluída na semana passada e estava sendo executada durante a noite, num horário de menor movimento.       Certamente esta foto foi tirada no intervalo entre a substituição física do equipamento e sua ativação na rede. O horário registrado na imagem atesta o fato. Repare que o horário exibido no monitor é 00:00.

A ativação dos produtos originais Microsoft Windows somente foi realizada no final do processo de substituição dos referidos equipamentos.

Confira comigo no replay:

Vocês confiam, meu povo? Que eu me lembre, a mensagem do Windows “provisório” é “Registre agora” ou algo do tipo. Mas faz sentido a explicação, vamos dar o crédito. E Infraero, ao menos tentem usar o aplicativo em tela cheia da próxima vez. Imagina se, além de avisos estranhos aparecerem atalhos comprometedores? Um ícone para Flight Control ou Flight Simulator seria bacana.