Ontem, a internet da Coreia do Norte saiu do ar e pesquisadores especializados em segurança afirmaram que todo o país ficou sem acesso a rede. Agora, a conexão parece ser voltado, mas apenas parcialmente.

>>> Coreia do Norte propõe ação conjunta com os EUA para investigar o ataque a Sony Pictures

>>> China diz não haver provas de que a Coreia do Norte invadiu a Sony; A Entrevista será lançado

Uma equipe do Dyn Research disse a BBC que parte dos serviços de internet foram restaurados, depois de uma interrupção que durou 9 horas e 31 minutos. Os sites da Agência Central de Notícias Coreana e do jornal Rodong Sinmun já estão funcionando novamente.

No entanto, os mesmos pesquisadores avisaram que a internet da Coreia pode “ser parcial e potencialmente instável”. Como seria de se esperar, outros sites do país ainda estão offline.

As análises feitas ontem sugeriram que a queda da internet norte-coreana foi o resultado de um ataque DDoS, mas não há evidências que possam mostrar quem foi o responsável pelo ataque. Obviamente, os rumores apontam os Estados Unidos. A única certeza é que a Coreia do Norte não deve estar achando graça nenhuma no que está acontecendo.

[BBC]