Parece a versão moderna de uma pintura do Van Gogh, em vez da futura sede de uma petrolífera. Mas com seu salão de concertos, museu, hotel e centro de negócios, a Gazprom Tower será o edifício mais alto e mais ecologicamente correto da Europa.

Sim, a ironia é enorme: a divisão de petróleo da empresa russa Gazprom vai usar um dos prédios mais ecologicamente sustentáveis do planeta como sede. Mas quem não iria querer um escritório com vista num prédio assim?

A Gazprom Tower terá 77 andares e será "tão ecologicamente correta quanto ela é alta", de acordo com o site Inhabitat:

Características eco-conscientes consistem em uma cobertura dupla de vidro, onde átrios foram posicionados entre as paredes internas e externas para gerar ventilação natural, iluminação interior e até mesmo isolamento térmico do cruel inverno russo. Um sistema especializado de água, aquecimento e ventilação também foi incorporado para reduzir as necessidades energéticas do edifício, e vários espaços sociais e zonas verdes foram criadas para o conforto e diversão dos seus ocupantes.

Algumas pessoas estão protestando contra a aprovação deste projeto, dizendo que ele é uma "decisão monstruosa e bárbara" da qual o povo de São Petersburgo, na Rússia, irá se arrepender. Pra mim, o prédio tem um design lindo e é bom ver que prédios ecologicamente corretos estão virando a norma em empresas de arquitetura. [World Architecture News via Inhabitat]