Este vídeo caseiro obtido pelo Danger Room não é do sequestro recente do navio cargueiro envolvendo o Capitão Richard Philips, mas dá uma boa ideia de como estes rebeliosos operam.

O vídeo foi feito a bordo do Yasa Neslihan – uma embarcação turca capturada por piratas somalianos em outubro do ano passado. Naquela situação, a tripulação foi liberada logo após o resgate ser pago. Aparentemente, este tipo de coisa é comum:

“Há muitos vídeos como estes”, disse a fonte ao editor Scott Carney da revista Wired, que obteve o vídeo. “Eles fazem este vídeo antes de coletar o resgate e saem do navio”.

“Eles fazem os vídeos para mostrar aos proprietários que eles estão com o navio e que ele está intacto”, disse ele. “Os piratas geralmente são bastante interligados por gadgets”.

Em relação ao recente confronto deles com a marinha dos EUA, parece pelo vídeo que um sequestro pode vir a ser uma empreitada sem muito estresse. Reféns são vistos perambulando sem restrições e os somalianos até se usam da oportunidade para dançar. [Danger Room]