Você já reparou em uma tendência? As tecnologias ficam melhores quando acompanham o desenho natural do corpo humano, quando parecem absolutamente naturais. Quanto menos notamos a presença da máquina, mais impressionante é o resultado que ela entrega. É como as telas sensíveis ao toque, que tornaram intuitivo algo que toda pessoa já fez alguma vez, quando era criança. Simplesmente tocar a tela e, como acontece com tudo que é tocado por nós, movimentar os objetos dentro dela. Pois bem. Isso acabou de acontecer com as televisões. Elas ficaram naturais.

OLED é uma tecnologia criada pela LG completamente diferente de tudo que está disponível no mercado. A tela tem uma curvatura que acompanha o nosso campo de visão. É uma gigantesca evolução quando você lembra que, há menos de uma década, as TVs de tubo eram meio barrigudinhas e colocavam quase toda a atenção no que estava no centro da tela. Mais tarde, vieram as TVs de tela plana, que amenizaram o problema. Parecia uma forma muito mais confortável de ver TV. Mas eis que surgiu a OLED e deixou a tela plana meio sem graça – e não apenas pela maravilhosa curvatura.

Ao incluir contraste perfeito, cores reais, design inovador ultra fino, tempo de resposta do painel mil vezes maior do que o de uma TV LED comum e um ângulo de visão perfeito, a LG levou a TV OLED ao nível da perfeição. É difícil imaginar para onde vão as inovações em TV depois que você assiste a qualquer coisa em OLED.

A LG OLED se diferencia ainda mais dos outros aparelhos disponíveis no mercado por causa de uma série de características que, felizmente, você não vê – mas que fazem muita diferença. As TVs LCD têm 3 painéis principais: um traseiro para iluminação, um que produz cor e a tela de cristal líquido, que controla a intensidade da luz. As TVs OLED têm um único painel extremamente fino, com 4,3 mm de espessura, que acumula essas três funções. É muito mais velocidade e eficiência na transmissão de imagens.

Claro, uma tecnologia tão inovadora garante uma experiência visual diferente. Com pixels iluminados individualmente, a TV OLED tem contraste infinito, o que permite enxergar o preto verdadeiro em vez da cor acinzentada que encontramos em outras TVs. Além disso, a LG OLED tem um sistema de cor exclusivo, o WRGB (Whitte, Red, Green and Blue), que envolve um subpixel especial para a cor branca e garante brilho, cor e luminosidade melhores e maior eficiência energética. E, como não poderia deixar de ser, inclua nessa fórmula impecável o Controle Smart Magic, que conta com um botão de rolagem que permite navegar com mais facilidade, funcionando, basicamente, como um mouse:

Não sabemos se a perfeição existe. Mas, quando falamos de TV, é muito difícil não usar essa palavra para definir a TV LG OLED.

Conheça mais sobre essa belezinha e mude a forma como você vê TV.