O termo “tela Retina” é cada vez mais usado ao mesmo tempo em que cada vez mais perde o seu sentido. Ainda existe uma definição rígida para ele? O mega-expert em telas Ray Soneira, do DisplayMate, diz que a maior tela da sua casa já era Retina faz tempo.

Existe uma incompreensão generalizada sobre o que exatamente constitui uma “tela Retina” da Apple — ou qualquer tela que tenha uma definição visual equivalente. Embora a primeira tela Retina do iPhone 4 tenha 326 pixels por polegada (PPI, na sigla em inglês), nem todas as telas Retina precisam de 326 PPI porque a resolução dos olhos não se baseia em pixels por polegada de forma linear, mas em resolução angular. A acuidade visual depende da distância da qual se visualiza a tela. É por isso que você faz um exame de vista padrão a seis metros e é impedido de ir até próximo do quadro para ler as letras miúdas na parte de baixo — a acuidade visual depende da distância.

A definição de tela Retina da Apple é equivalente ao exame de vista padrão — seus olhos não serão capazes de determinar pixels individuais na tela desde que você não olhe para ela de muito perto. Se você possui uma “visão 20/20” (termo em inglês para determinar quem tem uma visão normal) e vê o iPhone 4 a uma distância de 26,6 cm ou maior, a tela parecerá “perfeitamente” definida a seus olhos — o que significa que ela estará no limite de acuidade visual dos seus olhos. Se a tela fosse ainda mais definida com um PPI ou resolução mais altos, seus olhos não seriam capazes de detectar a diferença. É isso que “tela Retina” significa… Vejamos quantos PPIs são necessários para que outras telas sejam classificadas como Retina:

iPhone 4, novo iPad e MacBook Pro com tela Retina

O novo iPad e o MacBook Pro com tela Retina têm PPIs muito menores que o iPhone 4, mas a Apple corretamente faz publicidade deles como tendo telas Retina porque eles são normalmente segurados mais longe dos olhos e, assim, suas telas ainda parecem “perfeitamente” definidas na distância de visão apropriada. Abaixo calculamos as distâncias de visão necessárias para classificar as telas Retina como (definido como acuidade visual de 1 minuto de arco). Para uma argumentação sobre as diferenças entre a acuidade da tela Retina e a do exame de vista padrão, leia este artigo.

  •  O iPhone 4 com 326 PPI é uma tela Retina quando visto a 26,6 cm ou mais.
  • O novo iPad com 264 PPI é uma tela Retina quando visto a 33 cm ou mais.
  • O MacBook Pro com 220 PPI é uma tela Retina quando visto a 39,6 cm ou mais.

TVs Full HD (1920×1080)

Por outro lado, a distância de visão média para a TV de alta definição na sala de estar, nos Estados Unidos, é entre 2,1 e 3 metros dependendo do tamanho da tela. Então, para parecer “perfeitamente” definida a uma visão 20/20 como a tela Retina do iPhone 4, as TVs de alta definição precisam de um PPI proporcionalmente muito menor para alcançar o status de “tela Retina” e fazer com que a TV pareça “perfeitamente” definida e no limite da acuidade visual dos nossos olhos.

  • Uma TV de 40″ com resolução de 1920×1080 é Retina quando vista de 1,58 metro ou mais.
  • Uma TV de 50″ com resolução de 1920×1080 é Retina quando vista de 1,98 metro ou mais.
  • Uma TV de 60″ com resolução de 1920×1080 é Retina quando vista de 2,37 metros ou mais.

Como a distância de visão de uma TV de alta definição normalmente é maior que as distâncias mínimas listadas acima, elas parecem “perfeitamente” definidas no limite da acuidade visual dos nossos olhos. A essas distâncias, os pixels em uma TV de 1920×1080 não serão visíveis a uma pessoa com a visão normal (20/20) da mesma forma que nas telas Retina do iPhone 4, novo iPad e MacBook Pro com tela Retina em suas respectivas distâncias de visão. Dessa forma, as TVs de 1920×1080 já no mercado são “telas Retina” da mesma forma que as existentes nos produtos da Apple. Se as TVs de alta definição tivesse PPI mais elevado ou resolução maior, seus olhos não seriam capazes de notar a diferença nas distâncias apropriadas. As TVs 1080p, ou Full HD, já são equivalentes ao que a Apple chama “tela Retina”. Quando a Apple lançar a sua própria TV ela quase que certamente terá resolução de 1920×1080 e será uma tela Retina de verdade — para humanos com visão normal nas distâncias de visão padrões para TVs de alta definição.

TVs 4K e projetores

Algumas fabricantes estão apresentando TVs com resoluções que são pelo menos o dobro do padrão vigente de 1920×1080 — 3840×2160 ou mais. Elas são, em geral, chamadas de telas 4K. Alguns analistas já alardeiam melhoras dramáticas na qualidade de imagem e definição — mas isso é impossível a menos que eles tenham uma visão acima da média, ou estejam assistindo de uma distância absurdamente próxima. Apesar disso, resoluções maiores são importantes para a Cinematografia Digital e projetores de cinema para telas de três metros ou mais. Note, ainda, que não existe conteúdo para o consumidor final disponível em resolução maior que 1920×1080, então guarde seu dinheirinho e espere pela TV da Apple com resolução de 1920×1080 e uma tela Retina de verdade… ok, brincadeirinha.