Ciência

Praia escondida há dois mil anos é reaberta ao público

Itália reabre praia antiga dois mil anos após a erupção do Vesúvio colocar a costa do local debaixo da terra.
Imagem: Ministério da Cultura da Itália

Uma antiga praia, escondida pela erupção do Vesúvio, há quase dois mil anos, foi reaberta ao público após trabalhos de restauração. A direção do parque arqueológico da cidade de Herculano, na Itália, anunciou a reabertura da praia no final do mês passado, após anos de escavações e projetos de restauração.

whatsapp invite banner

A erupção do Vesúvio, no ano 79, enterrou a cidade e a costa, impossibilitando o acesso à praia. Agora, com a reabertura, as pessoas podem ver a praia da mesma posição que os romanos viam há quase dois mil anos.

O diretor do parque arqueológico de Herculano, Francesco Sirano, afirmou que os visitantes precisam atravessar um túnel para chegar à praia, um trajeto que transporta as pessoas a “dois mil anos atrás e, em seguida, à praia”.

De acordo com Sirano, a praia tinha uma areia vulcânica preta, mas optaram por não usá-la na restauração porque a areia poderia causar problemas de acessibilidade. Em vez da areia do vulcão, as autoridades decidiram usar um material preto com cor similar para recriar o cenário de dois mil anos atrás da praia.

2 mil anos depois

Assim como Pompeia, Herculano é famosa por ser uma das poucas cidades antigas preservadas quase que intactas, pois as cinzas do vulcão protegeram as estruturas. Além disso, Herculano foi descoberta primeiro, em 1709, mais de 40 anos antes de Pompeia.

Durante os trabalhos de restauração, arqueólogos descobriram os restos mortais de 330 pessoas na praia de Herculano. Eles tentavam fugir da erupção do Vesúvio com suas famílias e animais.

A principal descoberta durante esse período ocorreu em 2021, quando arqueólogos identificaram o esqueleto de um homem que estava tentando escapar da erupção pelo mar.

“Não foi apenas um trabalho de restauração, mas também um grande trabalho de pesquisa porque sabíamos que seria possível acessar os aspectos científicos”, disse Sirano.

fique por dentro
das novidades giz Inscreva-se agora para receber em primeira mão todas as notícias sobre tecnologia, ciência e cultura, reviews e comparativos exclusivos de produtos, além de descontos imperdíveis em ofertas exclusivas