Parece que o chip misterioso que vazou na semana passada e, supostamente, era do iPhone 5S, não é mais tão misterioso. Graças a novas – e melhores – fotos do novo iPhone conseguidas pelo MacRumors, os chips agora podem ser claramente identificados como A7.

O principal indício de que não se trata apenas de uma versão modificada do chip A6 encontrado no iPhone 5 é o número de modelo, APL0698. De acordo com o MacRumors:

O chip A6 original acompanha um número de modelo APL0598, enquanto o A6X encontrado no iPad de quarta geração tem o número de modelo APL5598, demonstrando como a Apple varia o primeiro dígito para membros de determinadas famílias da série A e aumenta o segundo dígito quando muda para uma nova família.

No entanto, outras marcações no chip indicam que, por mais que seja uma atualização, não é uma reformulação total do A6 – aparentemente teremos os mesmos 1GB de Elpida DRAM no A7. Outra mudança interessante aparece no identificador K1A0062, que é diferente do tradicional que começa com um “N” que indica peças da Samsung. Muito foi comentado sobre chips feitos pela TSMC, e ainda que recentemente passamos a acreditar que a mudança viria apenas a partir do A8, isso certamente indica o contrário.

Então aparentemente a Apple realmente está encerrando sua dependência da Samsung. Isso também indica que a Apple planeja criar seus próprios processadores – não apenas customizar as peças de outras empresas de acordo com as suas necessidades.

ku-xlarge

E, felizmente, essas imagens parecem confirmar que a bateria do próximo iPhone será ao menos um pouco maior do que as que rapidamente acabam dos modelos atuais. Além disso, temos uma imagem ainda mais clara do que será o flash dual-LED.

ku-xlarge (1) ku-xlarge (2)

Claro que, como acontece qual imagens vazadas, há uma chance delas não aparecerem no modelo final do smartphone, que deve ser anunciado provavelmente lá para setembro. [MacRumors]