O presidente da Nintendo, Satoru Iwata, falou mais que de costume do que presidentes de empresa sobre seus produtos futuros, mas ainda não anunciados. Ele disse que o próximo Nintendo DS terá um sensor de detecção de movimento, além de uma tela com definição maior.

Iwata disse em entrevista ao grupo japonês de notícias Asahi que o sucessor do DSi XL terá resolução duas ou mais vezes maior que o DS atual. Isso significa resolução de pelo menos 512×384; uma resolução 4 vezes maior que a atual já são 1024×768, bastante próximo de uma resolução 720p decente. E faz sentido se levarmos em conta os boatos que ouvimos em outubro, que o DS usará a plataforma Nvidia Tegra.

Quanto ao (possível) acelerômetro, Iwata diz:

[Ele terá] gráficos altamente detalhados, e será necessário ter um sensor com a capacidade de ler os movimentos das pessoas jogando.

Esse sensor pode ser algum tipo de acelerômetro para jogos simples de movimento (como em smartphones). Seria interessante ver isso, mas de forma que não atrapalhe e ele continue sendo o DS.

Iwata também confirmou que a Nintendo está conversando com várias operadoras para conectar consoles DS, algo que ele mencionou há alguns meses quando ele sugeriu a possibilidade de permitir que e-books sejam baixados via 3G. [Kotaku; Asahi via Fast Company]