Yiwu, cidade que fica na província de Zhejiang, é considerada uma das gigantescas 25 de Março da China. Por dia são vendidos cerca de 320 mil produtos e números não-oficiais indicam que de lá saem 70% dos cacarecos que você encontra nos faróis, na 25 de março ou em qualquer lojinha de R$1,99. Lá, os preços são tão baratos que a dúvida do repórter é: vale a pena pagar R$2.500 pela passagem, encher a mala de bugigangas e voltar para o Brasil?

Pelo visto, sim. O IG fez um belo gráfico comparando o preço médio de um produto xing-ling no Brasil e seu preço direto da fábrica.  Uma calculadora comum, por exemplo, custa R$8,25 nas lojas brasileiras, mas saem, no atacado chinês, pelo equivalente a R$1,21. Uma mochila que custa R$39,90 por aqui pode custar R$3,63 em Yiwu. E um vaporizador de ar, que mesmo nas lojas mais xing-lings brasileiras costuma custar 99 reais sai da China por R$18,90. E aí? Que tal encarar uma viagem de 24 horas e conhecer o mundo oriental para encher a mala de HiPhones e outros mimos pouco duradouros? Confira o gráfico e a ótima reportagem do IG clicando ao lado. [IG]