Essa é a praia Haeundae, na Coreia do Sul. Ela é muito popular, com mais de um milhão de visitantes por ida. Mas o bizarro é que ela não é o tipo de praia banhada de sol que nós conhecemos. Em vez disso, ela é coberta com guarda-sóis para bloquear o sol.

Sério, você se consideraria em uma praia que usa quase 8 mil guarda-sóis alinhados lado a lado? É como um chapéu gigantesco. De acordo com o LA Times, uma mulher coreana disse:

“Eu amo água, mas não o sol”, diz Kim Su-min, 29, que se escondia embaixo de um guarda-sol usando óculos de sol, bermuda e um agasalho, e com as pernas cobertas por uma toalha.

Qual é o objetivo de ir para a praia e não tomar um banho de vitamina D? E qual é o objetivo de ir à praia sem jogar um frisbee e zoar perto do mar? Onde as pessoas brincam? Onde os castelos são feitos? Onde estão as gatas? A sensação deve ser próxima a de estar preso no trânsito em uma praia.

E só fica mais estranho. Há caminhos de grama artificial para as mulheres poderem usar salto alto, pulseiras pré-pagas para comprar petiscos de frango para eliminar o ato de levar dinheiro para a praia (essa é a melhor) e pulseiras de segurança para rastrear as crianças. Se eu quero ir até a praia de Haeundae? Sei não, viu. [LA Times]