Paul, um estagiário na equipe de engenharia de infraestrutura de dados do Facebook, pegou recentemente uma amostra de aproximadamente 10 milhões de pares de amigos do banco de dados do Facebook e mapeou suas relações. O resultado? Um mapa bastante lindo – e preciso – do mundo.

Clique na imagem para ver em tamanho maior

Vale lembrar que, no mapa acima, o único elemento que cria a imagem são as amizades no Facebook: as bordas dos continentes estão nítidas por causa das relações na rede social, não foram desenhadas. A descrição do Paul do processo parece um sonho, assim como o próprio mapa:

Depois de alguns minutos de renderização, a nova imagem apareceu, e eu fiquei um pouco impressionado com o que vi. A bolha se tornou um mapa surpreendentemente detalhado do mundo. Não só os continentes estavam visíveis, certas fronteiras internacionais estavam aparentes também. O que mais me afetou, no entanto, foi saber que as linhas não representavam litorais ou rios ou fronteiras políticas, mas relações humanas de verdade. Cada linha representa uma amizade feita numa viagem, um membro da família no exterior, ou um antigo amigo de faculdade levado pelas várias forças da vida.

Agora vamos repetir o processo com todos os 500 milhões de pessoas, Paul? Vai que a imagem fica assim tão linda também. [Facebook]