Você provavelmente deve ter pensado “mais um par de óculos inteligentes” ao ler o título desta notícia, certo? Já tem o Bose Frames, o Echo Frames e o JLab JBuds, mas aparentemente eles não eram suficientes. Pelo menos na opinião da Razer, que acaba de anunciar o Razer Anzu.

O Razer Anzu é basicamente como todos os outros óculos inteligentes de áudio, embora a fabricante queira diferenciá-los: ela diz que o acessório é ótimo para quem trabalha muito de casa. Isso porque as lentes filtram 35% da luz azul para proteger seus olhos das telas e também porque possuem a tecnologia de áudio de baixa latência de 60 milissegundos da Razer, diminuindo o atraso na captura e na reprodução de som. Na prática, a empresa promete melhor desempenho durante chamadas de vídeo.

Ainda falando das lentes, as que vêm já instaladas no dispositivo possuem essa tecnologia de proteção contra luz azul. Contudo, o consumidor terá a opção de trocá-las por lentes polarizadas UV de amplo espectro, que também acompanham a embalagem do produto. Só dois tamanhos estão disponíveis, e a Razer especifica as opções como pequeno/médio ou grande.

Outra característica que chama atenção é que não existem fios em volta do Anzu, nem cabos que atravessam as dobradiças e a parte da frente do óculos. Isso permite que as dobradiças sejam mais flexíveis do que você normalmente veria em um óculos inteligente. Além disso, cada haste conta com um alto-falante próprio sem fio que inclui 16 drivers de 16 mm com ajuste personalizado.

Os óculos também possuem controles sensíveis ao toque, compatibilidade com assistentes de voz, resistência IPX4 contra água e mais de cinco horas de vida útil da bateria. Segundo a Razer, as hastes precisam ser carregadas separadamente, mas você pode economizar energia ao dobrar os óculos para colocá-los no modo de espera. Nesse cenário, a empresa diz que a bateria pode durar um total de até 14 dias.

Em termos de design, o Anzu vem em duas formas: retangular e redondo. Então vai depender muito da preferência de cada usuário. O que pode incomodar é a grossura das hastes — elas são gigantes –, mas é algo compreensível, visto que os componentes de áudio e bateria precisam ficar abrigados em algum lugar do acessório.

Assine a newsletter do Gizmodo

E se você estava esperando algum toque especial RGB da Razer, lamento informar que as únicas luzes no Anzu são alguns indicadores LED de bateria.

O Anzu vai custar US$ 200 (cerca de R$ 1.140 na conversão atual). É um preço elevado, mas não tão caro quanto outros óculos que prometem o mesmo objetivo. Os óculos Bose e Echo, por exemplo, custam US$ 250 (R$ 1.425) cada. Por enquanto, o acessório está disponível apenas nos Estados Unidos e Canadá.