A Realme está lançando mais dois smartphones para o Brasil. Os escolhidos da vez são o Realme 8 Pro, que traz câmera principal de 108 MP, e o Realme C25, um dispositivo intermediário com foco em bateria e preço competitivo. Os aparelhos estão disponíveis apenas no varejo online e custam, respectivamente, R$ 2.099 e R$ 1.199 por um período promocional.

Realme 8 Pro tem câmera de 108 MP

Sucessor do Realme 7 Pro, lançado há cerca de seis meses no Brasil, o Realme 8 Pro também é um aparelho intermediário, mas que quer se passar por premium. Ele vem equipado coprocessador Qualcomm Snapdragon 720G, 8 GB de memória RAM e 128 GB de armazenamento interno. A tela Super AMOLED tem 6,4 polegadas com resolução Full HD+ e leitor de impressões digitais embutido sob o painel, além de taxa de atualização de 180 Hz.

O dispositivo Ainda inclui o carregador SuperDart de 50 Watts para uma bateria de 4.500 mAh, que a fabricante diz ser capaz de carregar de 0 até 50% em apenas 17 minutos. No entanto, o 8 Pro representa um retrocesso à geração anterior, que por sua vez tinha um carregador de 65 W e bateria de 5.000 mAh. O sistema operacional é o Android 11 rodando sob a interface Realme UI 2.0 — e mais uma vez, em coletiva à imprensa, a marca não deu detalhes sobre futuras atualizações de software.

Mas o destaque do novo smartphone da Realme é o conjunto fotográfico. Na parte traseira, há o sensor principal de 108 MP — um ISOCELL HM2 da Samsung —, tornando o Realme 8 Pro em um dos poucos telefones no mercado com essa especificação. A empresa asiática diz que este é o primeiro celular do mundo com as funções de vídeo Starry Time-lapse e Tilt-shift Time-lapse, para gravar cenas em câmera lenta ou ambientes à noite com o céu estrelado.

Completam o conjunto um sensor ultra-grande-angular de 8 MP, uma câmera macro de 2 MP e um sensor monocromático de 2 MP. Já para selfies, a câmera frontal oferece 16 MP.

Um detalhe curioso é que, na parte traseira, o slogan da marca “Dare to Leap” está escrito em letras garrafais enormes. O smartphone está disponível nas cores Infinite Blue (azul) e Infinity Black (preto). A análise do Realme 8 Pro será publicada no Gizmodo Brasil nos próximos dias.

Realme C25 é aparelho de entrada com preço competitivo

Além do 8 Pro, a Realme lançou seu primeiro dispositivo “de entrada” no País e o primeiro da linha C, que tem foco justamente em aparelhos que prezam o custo-benefício. O Realme C25 tem um display LCD de 6,5 polegadas Full HD+, processador Helio G70 octa-core de 12nm e 2.0 GHz, 4 GB de memória RAM, 64 ou 128 GB de espaço interno (expansível via microSD) e certificação de alta confiabilidade da TÜV Rheinland, que garante maior resistência em quedas e acidentes que podem acontecer no dia a dia.

O produto tem foco especial na bateria, que é de 6.000 mAh e tem suporte para carregamento rápido de 18 W. Já nas câmeras, temos o sensor principal de 48 MP, macro de 2 MP e profundidade de 2 MP. Na câmera frontal, o dispositivo conta com 8 MP.

“A chegada da linha C é mais um passo na nossa trajetória de nos tornarmos uma das principais marcas de smartphones do Brasil. Temos certeza que a alta durabilidade desses telefones, a bateria de longa duração que impressiona, a excelente performance e o preço muito competitivo vão conquistar os consumidores locais, assim como conquistaram pessoas do mundo todo”, diz Marcelo Sato, gerente de vendas sênior da Realme no Brasil.

O Realme C25 será vendido nas cores Water Grey (prata) e Water Blue (azul).

Assine a newsletter do Gizmodo

Preços e disponibilidade

Tanto o Realme 8 Pro quanto o Realme C25 continuarão no modelo de vendas online da marca, que por enquanto acontece apenas no e-commerce do grupo B2W, o que inclui Submarino, Americanas e Shoptime.

A fabricante venderá os dispositivos a preços promocionais. O Realme 8 Pro custará R$ 2.099 até o dia 28 de junho; já o Realme C25 sairá por R$ 1.199 até 1° de julho. Após essas datas, os valores sobem para R$ 2.599 e R$ 1.599, respectivamente.