Longe de ser um esporte popular no Brasil, o baseball não desperta muita atenção por aqui. Se você faz parte do grupo que não vê graça em arremessar, rebater e correr atrás de uma bolinha, não feche a aba ainda: essa nova tecnologia de replay é muito legal mesmo para quem não entende as regras do esporte. É como se o efeito Bullet Time, de Matrix, ganhasse os campos.

Uma empresa chamada Replay Technologies está trabalhando em uma espécie de tecnologia que oferece ângulos de 360º para replays em jogos de baseball.

A tecnologia se chama Free Dimensional Video, ou freeD, e é parte da iniciativa “Watch As You Want” para tornar a exibição de eventos esportivos mais interativos e imersivos. As reconstruções 3D usam medições precisas do posicionamento e velocidade dos elementos, de modo que todas as bases fiquem bem cobertas. A freeD, então, combina imagens de replay estáticas e dinâmicas para conseguir exibir o máximo de detalhamento em cada ângulo. Dá uma olhada no vídeo abaixo. É bem sensacional.

A Replay Technologies parece estar em uma fase piloto no momento, realizando capturas em jogos dos Yankees e como parte de um recente programa com o Dallas Cowboys. Imagine quando a tecnologia estiver mais madura e começar a ser expandida para outros esportes. Ter o mesmo controle de imagens que se tem nos replay de jogos como FIFA ou PES em um jogo de verdade deve ser bem divertido. De repente ver os jogos do Brasileirão em casa, em vez de ir ao estádio, ficará um pouco mais tentador. [Replay Technologies. Dica do Angel Jimenez de Luis]